tags

2010

acetato

aerosoles

alive

alves/gonçalves

ana salazar

anabela baldaque

andreia filipa oliveira

andreia lobato

armindo teixeira

atelier do sapato

bárbara silva

brand^up

ca joias

calendário de desfiles

carlos gil

casting

celsus

celtic jeans

chocolate negro

cohibas

colecções

colectivo calçado

colectivo indústria

colectivos

comunidade

concreto

coxx

coxx borba

cristina miguel

de gier

dielmar

diogo miranda

dkode

domingo

eject

eject shoes

elizabeth teixeira

eugenio campos

fashion week2

fátima lopes

fatima lopes

fátima lopes homem

felipe oliveira baptista

felmini

fernando lopes

figuras públicas

filipe trindade

fly london

gaia

goldmud

hermar

id values

jordann santos

josé reis design

jotex

jovens criadores

julio torcato

júlio torcato

katty xiomara

leuna

lion of porches

louis de gama

luís buchinho

luís onofre

luis onofre

marco mesquita

marco sousa santos

miguel vieira

nobrand

odete barreiro

orfama

orfama antónio cunha

orfama by antónio cunha

outono/inverno 2010/2011

passatempo

paula borges

paula borges by lúcia borges

pedro pinto

pedro waterland

portugal fashion

press release

programa

red oak

rita bonaparte

sábado

segunda-feira

sexta-feira

silvia rebatto

sofia de almeida

sonia pratas

stiletto

story tailors

storytailors

storytailors narkë

tany calapez

tenente jeans

verão 2008

x & y couture

yes

todas as tags

Sexta-feira, 3 de Outubro de 2008
STORYTAILORS NARKË - Verão 2009

S.O.S. DAMSEL IN DISTRESS

Street Couture

 

S.O.S. Damsel in Distress é uma colecção formada por peças que se destinam a compor um guarda-roupa equilibrado, requintado, versátil e passível de interpretações imaginativas, como o próprio termo Street Couture sugere.

 

INSPIRAÇÃO

A aceleração do tempo e as 12 primeiras horas do dia: das 00h00 às 04h00, das 04h00 às 08h00 e das 08h00 às 12h00; - Ícarus e o sonho de voar - as linhas anatómicas de um fato de aviador; - O efeito borboleta e as metamorfoses.

 

CONCEITOS E HISTÓRIA

“¢¤†±¡ [chegou a altura de pôr fim a esta linguagem.] ¥¤‡¡ [eu a criei, eu a destruo.] Mas comecemos do princípio. O meu nome é §°… desculpem, força do hábito. O meu nome é B.O e vou contar-vos como cheguei a este ponto da minha vida. Vivíamos o ano de 2010 e o tempo escasseava. O tempo e não só. Mas esta história é sobre o tempo e, como tal, não vou fazer-vos perdê-lo.” Excerto de “Burn Out”, por Ana Leonor Branco

 

DESTAQUES E DETALHES

Os cortes das peças sugerem as linhas anatómicas do corpo, da silhueta humana. São linhas sinuosas, que passam onde o corpo tem formas concavas ou convexas. Casacos trabalhados no sentido de promover uma nova alfaiataria, recorrendo a uma parceria com uma empresa portuguesa que possui tradição em alfaiataria desde 1920. Bordados resultantes da parceria com uma bordadeira dos lenços dos namorados, certificados através da associação de artesanato Adere-Minho.

As cores são retiradas da paleta da noite (azuis profundos, preto) e da luminosidade do amanhecer (branco, pérola, creme, malva, azul-céu). Nos tecidos, destacam-se as fazendas frescas com cerâmica, em casacos, calças, saias e vestidos; os cupros, em vestidos e tops fluidos, drapeados a partir do efeito “nó borboleta” – estudo desenvolvido a partir da manipulação “grande nó”, método de drapear muito usado em vestidos nos anos 30; as malhas tricotadas com fio de algodão; as malhas jersey em seda; as popelines e piquês de algodão em camisas e tops; as gabardinas e sarjas acetinadas de algodão, em casacos e saias recortadas a laser. Esta colecção recorre integralmente a produção nacional, com a excepção de algumas matérias-primas, que o mercado nacional não produz.

 

CV

João Branco e Luís Sanchez formaram a dupla Storytailors em 1999, quando ainda frequentavam a Faculdade de Arquitectura de Lisboa, onde ambos concluíram a licenciatura em Design de Moda. Depois de amadurecerem conceitos e serem premiados individualmente pelas suas criações, os dois designers passaram a desenvolver conjuntamente colecções inspiradas nos contos de fadas tradicionais e na alta-costura dos anos 50. Com o apoio do Portugal Fashion, a dupla participou no Calendário Oficial de Alta-Costura de Paris. Nas edições nacionais do evento, os Storytailors têm apresentado as suas propostas sob a chancela da marca Narkë.

 

Contacto

Calçada do Ferragial, 10 – Chiado

1200 - 184 Lisboa

t. 217 782 270

e. margarida.machado@storytailors.pt

w. www.storytailors.pt

publicado por Equipa SAPO às 14:26
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 26 de Setembro de 2008
STORYTAILORS ATELIER - hype couture - Verão 2009

KISS ME…QUICK!

 

Esta colecção Storytailors Atelier é por excelência “a colecção-bombom”. Com o nome do doce regional de Tomar, que foi o ponto de partida para as colecções Storytailors Narkë “Cupido e Cliché” e “Spoiled by toxic love”, a colecção reflecte o percurso da dupla Storytailors no desenvolvimento do conceito “hype couture”. “Kiss me... Quick!” é uma colecção modular, em que cada vestido é composto por módulos que são, por si só, um vestido. O resultado é uma panóplia de opções diferentes.

 

INSPIRAÇÃO

- Beija-me...depressa! Uns docinhos à base de ovos da doçaria regional de Tomar, que têm que ser comidos no próprio dia, senão estragam-se...

- Os lenços dos namorados oriundos do norte de Portugal (Vila Verde,...) e a sua simbologia

- verdadeiras “cartas-promessa” de amor eterno. De referir que eram as mulheres que ofereciam os lenços de namorados aos homens, tendo, por isso, reputação de fogosas.

- Amor: manifestos e cartas de amor.

- Baralho de cartas: naipes de copas e ouros.

- Tatuagens: provas de amor. - Escrita Grafitti.

 

CONCEITO

Amor urgente! Já, senão azedo! Assume-se o compromisso que já ninguém quer assumir, em circunstância alguma, a nível pessoal ou profissional. O casamento surge como o derradeiro símbolo desse compromisso ou a deterioração interna que conduz à putrefacção externa.

 

HISTÓRIA

Cartas de amor escritas por amigos e colaboradores . Não se trata de uma história, mas sim de um conjunto de manifestos assinados.

 

DETALHES

Estampados e bordados resultantes de parcerias com os street artists Klit e Time e com as bordadeiras dos lenços dos namorados, certificados através da associação de artesanato Adereminho.

 

CV

João Branco e Luís Sanchez formaram a dupla Storytailors em 1999, quando ainda frequentavam a Faculdade de Arquitectura de Lisboa, onde ambos concluíram a licenciatura em Design de Moda. Depois de amadurecerem conceitos e serem premiados individualmente pelas suas criações, os dois designers passaram a desenvolver conjuntamente colecções inspiradas nos contos de fadas tradicionais e na alta-costura dos anos 50. Com o apoio do Portugal Fashion, a dupla participou no Calendário Oficial de Alta-Costura de Paris. Nas edições nacionais do evento, os Storytailors têm apresentado as suas propostas sob a chancela da marca Närke.

 

Contacto

Calçada do Ferragial, 10 – Chiado

1200 - 184 Lisboa

t. 217 782 270

e. margarida.machado@storytailors.pt

w. www.storytailors.pt

publicado por Equipa SAPO às 14:41
link do post | comentar | favorito
Domingo, 4 de Março de 2007
Storytailors contam uma história de uma "enfant terrible"
A passerelle vazia e imaculada aguarda a primeira menina. A música vai subindo de tom num prenúncio de um conto infantil. Ela passa de chupa-chupa na mão com os seus longos cabelos loiros escorridos. Para este desfile os Storytailors guardaram um conto da mulher criança, do bem e dom mal. Das meninas inocentes de folhos e laços, casinhas de bonecas e ursos de peluche, o desfile evolui para a sensualidade do quase macabro. João explica, ao Sapo, que a inspiração foram os filmes de terror dos anos 80 onde Carry e o Poltergeist espalhavam uma inocência malévola.
Os cabelos louros escorridos e os collants brancos dão lugar ao seu oposto: cabeleiras, olhos e collants pretos. A criança mimada é substituída pela ‘enfant terrible’.
Os Storytailors apresentaram uma colecção que vive de pormenores, flores de tecido que substituem os botões das mangas, as fitas que terminam em laços perfeitos, sapatos de flores coloridas, mangas de balão, capelinas recortadas.
Os criadores são contra a ditadura da moda, da obrigatoriedade dos criadores apresentarem duas colecções por ano, que na sua opinião o mercado não está pronto para absorver por isso terminaram o desfile com faixas anti-fashion
No entanto, os criadores garantiram ao Sapo que as vendas da sua marca vão de vento em popa – tendo o site da marca desempenhado um papel fundamental para a divulgação junto do público. Para Abril já está programada a abertura de uma loja no Chiado, avançou a dupla criadora que está cheia de projectos. A criação do guarda-roupa para a peça "Ricardo II", que vai estrear no Teatro D. Maria e estamos também a fazer o guarda-roupa para a Companhia Nacional de Bailado Contemporâneo que vai estrear em Nova Iorque que é "Sete Sonhos de Pássaros".
publicado por Equipa SAPO às 22:31
link do post | comentar | favorito
posts recentes

ANA SALAZAR QUESTIONA VAL...

Storytailors - OUTONO/INV...

Storytailors

STORYTAILORS NARKË - Verã...

STORYTAILORS ATELIER - hy...

Storytailors contam uma h...

Narkë e Luís Onofre

Arranque com os Storytail...

Storytailors | Grand fina...

arquivos

Março 2010

Outubro 2009

Março 2009

Outubro 2008

Setembro 2008

Março 2008

Outubro 2007

Março 2007

Fevereiro 2007